CELA Produções promove "Na sala com…"

"Na sala com…" é a mais recente produção da CELA e vai ter lugar em Vila do Conde, nas Praças José Régio e da República, durante todo o mês de Julho. Com o apoio da Câmara Municipal de Vila do Conde e da Toyota, e tendo por base o envolvimento de todos os bares e restaurantes de ambas as praças, a primeira edição do "Na sala com…" promete uma programação ecléctica pensada para os vários públicos que por aqui passam.

A tua noite é aqui!



Todos os espectáculos terão início pelas 22h00 e a entrada é gratuita.

:::: 02 JULHO – SKY & THE DIGGIN' POETS – PRAÇA JOSÉ RÉGIO

sky

Influenciada pelas linhas fortes do Hip-hop, da Soul, do R'n'B e do Funk, Sky lançou recentemente o seu segundo trabalho de originais intitulado "O Quarto da Música". O sucessor de "InSónia" composto por géneros musicais distintos entre si, pretende assumir-se como uma revolução na música portuguesa devido sobretudo à sua heterogeneidade de sons e ambientes trabalhados por cinco produtores das áreas Soul, R&B e Hip Hop (Begh, Raez, Chekmate, IVM, Karabinieri e Raze). Este disco, composto por 15 temas, conta ainda com a participação de cinco convidados, entre eles, Dama Bete, Dino (Expensive Soul), Damani Van Dunem, Supremo G, e Noura.
"Mulher a sério" é um single de avanço do disco e esteve em destaque pela MTV durante um mês.

MYSPACE: www.myspace.com/skyinsonia

 

:::: 09 JULHO – PHAMA + WINGA KAN - PRAÇA DA REPÚBLICA

PHAMA

No seu pouco tempo de existência os vilacondenses Phama já conseguiram atingir algumas das metas a que se propuseram. Já venceram alguns concursos, alguns dos quais lhes permitiu actuar no palco principal da queima das fitas do Porto e de Aveiro. Entre concursos e actuações, os Phama já tiveram o privilégio de actuar e fazer as primeiras partes de alguns artistas de grande nome nacional como Pedro Abrunhosa, David Fonseca e Tiago Bettencourt. Estão neste momento em estúdio a gravar cinco temas novos mas já tiveram a oportunidade de lançar entre os amigos e nas redes sociais o seu primeiro EP, "Mundo à Janela", e o vídeo do tema "Não Digo Já". Originais, criativos e na lingua mãe: o português, os Phama estarão dia 9 de Julho na Praça da República.

FACEBOOK: www.facebook.com/phamaband

 

Winga Kan é um espectáculo de percussão Tribal, criado pelo carismático Nuno Patrício, percussionista da reconhecida banda Blasted Mechanism. Através do conceito "One man Show" é desenvolvida uma história musical orientada na execução de diversos instrumentos em simultâneo, provenientes dos 4 continentes. O músico utiliza uma linguagem própria inspirada em diversas culturas, que caracteriza as suas canções. O espectáculo é acompanhado por uma bailarina. Utiliza dança de máscaras, como forma de partilhar através do movimento as histórias da música.

MYSPACE: www.myspace.com/wingakan

 

:::: 16 JULHO – ISABEL VENTURA QUINTETO - PRAÇA JOSÉ RÉGIO

ISABEL VENTURA QUINTETO

Um projecto que tem como objectivo devolver ao Jazz algo que sempre o caracterizou – a comunicação e espontaneidade entre os músicos e a sua relação com o público – o que parece ter vindo a desaparecer nos últimos anos. À voz arrebatadora da cantora, apoiada em quatro instrumentistas de grande qualidade, vem juntar-se um reportório cuidadosamente elaborado, baseando-se paradoxalmente, numa grande variedade de estilos que vai desde os mais antigos standards até alguns dos temas mais actuais. Autores tão diferentes como Duke Ellington ou Thelonious Monk, tão actuais como Chick Corea e Herbie Hancock, ou mais distantes no tempo como George Gershwin ou Cole Porter, passando por Charlie Parker e Horace Silver, tão exuberantes como Dizzy Gillespie e Sonny Rollins, ou mais intimidas como Coltrane ou ainda Tom Jobim. Dia 16 de Julho na praça José Régio, a sala estará pronta para os receber!

MYSPACE: www.myspace.com/isabelventurajazzzz

 

:::: 23 JULHO – VESPA - PRAÇA DA REPÚBLICA

VESPA

Quase todos os insectos considerados como praga têm uma vespa como predador natural. Esta vespa não é excepção e a razão da sua existência é o biocontrolo natural. Assim, estamos disponíveis para combater pragas em qualquer evento, estúdio ou recinto musical. Sem dúvida que preferimos actuações, aliás, esta é a única forma em que garantimos satisfação total do produto. Na linha dos caçadores de vampiros e de fantasmas temos pouco jeito para delegar mensagens que se querem ditas olhos nos olhos. Sentimos que o nosso formato empacotado, vulgo cd, ou teledirigido, através de descargas legais no nosso espaço cibernauta, não corresponde à totalidade do nosso poder anti-praga. Esta lacuna deve-se à falta de técnicos especializados no que diz respeito ao empacotamento e conservação das essências, embora com as técnicas tradicionais já consigamos oferecer-vos uma solução ao nível dos ambientadores de automóvel. Os vespa vão estar estacionados na Praça da República dia 23 de Julho a demonstrar que o que é nacional é certamente bom de se ouvir!

MYSPACE: www.myspace.com/vespamusic

 

:::: 30 JULHO – LUÍSA AMARO - PRAÇA JOSÉ RÉGIO

LUISA AMARO

De 1984 a 1993 a guitarra clássica de Luísa Amaro foi a acompanhante eleita de Carlos Paredes. Foi a primeira mulher a gravar a guitarra portuguesa e tratou de fugir ao peso que a sombra do mestre comporta. Em "Meditherranios" surge como nunca a ouvimos: delicada e feminina. Podemos ser esmagados pela força de um gigante ou então quedarmo-nos silenciosa e respeitosamente à sua sombra, observando-o, admirando-o e aprendendo humildemente. De 1984 a 1993 Luísa Amaro foi a acompanhante de Carlos Paredes, ser que até hoje não sabemos se foi humano ou trovoada. Ela fala dele com tremendo respeito e afecto. A memória que desfia do guitarrista é uma prova de um amor interrompido: cada gesto, cada frase do mestre ainda a habita e, notoriamente, são para ela sinais de uma sabedoria ímpar. É um caso raro, o de Luísa Amaro. Não se trata apenas do facto de ter sido a primeira mulher a gravar a guitarra portuguesa, na "Canção para Paredes". Ela é, igualmente, compositora, num meio em que por norma são os homens que criam...não se costuma tocar guitarra portuguesa assim, porque a guitarra portuguesa sempre foi a história da luta de cada homem com aquelas doze duríssimas cordas. Já fazia falta quem, em vez de lutar com elas, as tratasse com delicadeza. 30 de Julho na Praça José Régio.

MYSPACE: www.myspace.com/luisaamaro

 

CMVC

TOYOTA

BILAWEB

BW

ESCOLA CONDUÇÃO VILACONDENSE

CACAU

CAFE PORTUGAL

CRISBAR

ENCANAS BAR

FUSAO BAR

ICE CREAM 4 YOU

RIO

TABERNA QUINZENA

VILLEGEOIS